Dicas do Cartola FC: Palpites da Rodada #12

Salve, viciados! A última rodada foi de recuperação para muitos cartoleiros, mas também de decepção para outros, já que os defensores do Atlético-MG pouco contribuíram e os dois atacantes mais escalados não balançaram as redes. Para esta próxima rodada, o favoritismo está do lado dos mandantes, mas devemos ficar atentos, pois neste ano o favoritismo não garante vitória e tampouco boas pontuações. O quadro “Palpites da Rodada” é uma das novidades do VPC para esta temporada.

Além dos pitacos para cada partida da competição, vamos destacar dois jogadores: um com potencial de ser o mito da rodada e outro que pode ser a surpresa positiva da jornada. Sem mais delongas, confira abaixo nossos palpites para esta 12ª rodada do Brasileirão:

Peixe é favorito nesta rodada

Sábado, às 19h – Internacional 1 x 1 São Paulo
Sábado, às 19h – Athletico-PR 2 x 1 Bahia
Sábado, às 21h – Atlético-MG 3 x 1 Grêmio
Domingo, às 11h – Vasco 1 x 0 RB Bragantino
Domingo, às 16h – Palmeiras 2 x 1 Flamengo
Domingo, às 18h15 – Ceará 2 x 0 Goiás
Domingo, às 18h15 – Atlético-GO 2 x 2 Botafogo
Domingo, às 20h30 – Santos 3 x 1 Fortaleza
Domingo, às 20h – Fluminense 2 x 1 Coritiba

Retrospecto: 38 acertos em 11 rodadas

O MITO

Meia do Ceará

Vinícius, do Ceará
Posição: Meia
Preço: C$ 9.55
Adversário: Goiás (em casa)
Com três gols e duas assistências no Brasileirão, o meia Vinícius, também chamado de Vina, vive grande momento. No meio de semana, deu duas assistências pela Copa do Brasil. É o principal destaque do Ceará, que recebe o Goiás e precisa vencer para subir na tabela. O time cearense vem de goleada e quer manter o embalo jogando em casa.

A SURPRESA

Atacante do Vasco

Talles Magno, do Vasco
Posição: Atacante
Preço: C$ 10.69
Adversário: RB Bragantino (em casa)
O jovem atacante do Vasco tem feito pontuações razoáveis mesmo quando não participa diretamente de gol. Nesta rodada, diante do RB Bragantino, o time carioca precisa vencer para continuar nas primeiras posições do Campeonato Brasileiro. E mesmo que não faça gol, Talles Magno deve compensar com finalizações, desarmes e faltas sofridas.

Postar um comentário

0 Comentários