Pré-Cartola: Athletico-PR

Salve, salve, viciados por Cartola! Mais uma temporada do fantasy game está prestes a começar, e nós, da equipe VPC, estamos preparando o melhor conteúdo sobre o Cartola FC para oferecer a vocês. Antes de começar o Campeonato Brasileiro, vamos apresentar, a partir de hoje, as 20 equipes que estarão na disputa, o objetivo de cada clube na competição e seus principais destaques. Para cada equipe, destacaremos três atletas que podem ser boas alternativas os cartoleiros durante a temporada. Nesta segunda-feira, vamos mostrar como os rivais Athletico-PR e Coritiba chegam para o Brasileirão. Abaixo, veja a análise do furacão.

ATHLETICO-PR





Atual campeão da Copa do Brasil, o Athletico passou por uma verdadeira reformulação nesta temporada. O clube paranaense perdeu os principais pilares das conquistas recentes, como Bruno Guimarães, Rony e Marco Ruben, além do técnico Tiago Nunes, e reforçou o elenco com nomes pouco badalados do mercado, como Felipe Aguilar, Edu, Geuvânio, Carlos Eduardo e Walter.
As primeiras rodadas do Brasileirão servirão para conhecermos o time-base do furacão, já que muitas saídas e chegadas foram definidas durante a pandemia. É difícil imaginar que Dorival Junior consiga deixar o Athletico entre os primeiros colocados, mesmo que a Arena da Baixada continue sendo um dos trunfos da equipe. O rubro-negro paranaense deve tentar uma vaga na Pré-Libertadores, mas hoje isso parece uma tarefa complicada.

DESTAQUES:

Goleiro titular do Athletico, Santos é uma boa opção para o Cartola FC
Santos: o goleiro do furacão vem de duas ótimas temporadas e foi fundamental para as conquistas recentes do clube. Segue como uma das referências da equipe, e nesta temporada deve ser ainda mais exigido, já que os reforços que chegaram não são do mesmo quilate que os atletas negociados. No Cartola, o goleirão do Athletico inicia o fantasy game custando C$ 10.

O meio-campista terá ainda mais protagonismo nesta temporada
Léo Cittadini: o meio-campista formado no Santos cresceu muito de produção em 2019 e se tornou peça-chave da equipe campeã da Copa do Brasil, inclusive, marcando gol na grande final. Com a saída de Bruno Guimarães para a Europa, Cittadini deve chamar a responsabilidade para fazer a ligação meio-ataque da equipe. Além de boa presença ofensiva, o jogador se destaca também nas roubadas de bola. Neste ano, começa o game custando C$ 8.

Um dos atletas que mais finaliza no Brasil
Nikão: meia que participa muito das ações ofensivas da equipe, Nikão é sempre uma alternativa de potencial quando o furacão joga em seus domínios, já que atua quase como um atacante. Nas últimas temporadas, foi um dos jogadores do Brasileirão com o maior número de finalizações. É um jogador que não tem medo de arriscar e finaliza de qualquer distância.

Postar um comentário

0 Comentários